Publicado 04/05/2016 10:51:43

PORQUE COMER GRÃOS GERMINADOS

A germinação é o início de um processo que leva a semente a se tornar uma planta, aumentando assim, imensamente seus valores nutricionais. Quando um grão tem água, oxigênio e calor necessários, germina para formar um novo ser vivo. Os grãos germinados são alimentos vivos.
Ao consumir um alimento germinado, ingerimos um alimento com alto teor de proteínas, vitaminas (principalmente as do complexo B, A e C), minerais como ferro e magnésio, e fibras em sua forma mais fácil de digestão, pois quando o alimento está no período da germinação há liberação de várias enzimas (substâncias vitais responsáveis pelas reações químicas que ocorrem no interior das células) facilitando, desta forma, a absorção dos principais nutrientes do grão. Também melhora a digestão do amido a da proteína, pois a germinação quebra o amido concentrado em carboidratos simples e a proteína em aminoácidos livres.

Ainda encontramos outros benefícios, como:
- os germinados tem alto teor de nutrientes antioxidantes, combatendo os radicais livres e, consequentemente retardando o processo de envelhecimento;
- previne o surgimento de doenças, pois fortalece o sistema imunológico e fornece energia ao organismo;
- melhora o funcionamento intestinal, além de serem ricos em fibras, os grãos germinados são assimilados muito facilmente pelo nosso organismo e assim estimulam os processos digestivos e regeneram a flora intestinal;
- Ajuda no combate à dislipidemia (colesterol alterado);

Como e onde consumir Grãos germinados:
Os grãos germinados deverão ser consumidos crus, em saladas, sucos e vitaminas, preferencialmente, pois qualquer procedimento que os aqueça eliminará muito de suas propriedades, assim como qualquer outro alimento fresco que é cozido, assado ou frito.
Grãos que podem ser germinados:
- Grãos inteiros de cereais – arroz, trigo, centeio, aveia, cevada.
- Sementes – quinoa, linhaça, abóbora, girassol, gergelim…
- Oleaginosas – castanha do pará, castanha do caju, amendoim, amêndoa, nozes…
- Algumas hortaliças – agrião, rabanete, alho, cenoura, beterraba…
- Leguminosas- todos os tipos de feijões, ervilha, soja, grão-de-bico, lentilha…

Uma semente é vida em estado latente. Poderá durar muito tempo, conservando dentro de si a energia armazenada para desenvolver uma nova planta. Aumente o consumo de grãos germinados e melhore sua saúde.

Quer ter um Plano Alimentar Individualizado, ligue e marque sua consulta 2520-5881

Débora Perçu Martins

Nutricionista Clínica e Esportiva

CRN4 03100939

Comentários

Nenhum comentário nesta notícia. Seja o primeiro comentando abaixo!

Comente sobre esta notícia