Publicado 31/10/2014 15:16:13

Filmes da semana 31/10 até 06/11

Dois bons filmes entram em cartaz neste final de semana em Nova Friburgo. Tim Maia, produção nacional, conta um pouco da vida e aventuras do famoso cantor e compositor conhecido como o pai da Soul Music brasileira. O roteiro faz um apanhado da vida do artista e, mesmo acrescentando algumas personagens fictícias para um melhor desenvolvimento narrativo, fugindo um pouco do que realmente aconteceu, é bem construído e traduz de forma honesta a essência do furacão que era Tim Maia. Outros pontos positivos são a produção, com cenários e figurinos bem afinados, e as boas atuações, com destaque para Babu Santana. O tempo é provavelmente o fator negativo do filme, afinal, são mais de duas horas e vinte de projeção, mas convenhamos, tudo com muita música boa e bom humor. Pode-se até não gostar do Tim Maia, mas ficar indiferente é impossível. Programa obrigatório para os fãs e músicos, saudosistas para quem já passou dos 40 anos e ideal para quem gosta de um bom filme. Nada de sexo e pouca violência mas, a indicação etária de 16 anos é por causa das drogas e muito palavrão.

O outro filme que entra em cartaz em Nova Friburgo é Relatos Selvagens. É mais um belo exemplar do cinema argentino, na verdade, podem-se dizer seis exemplares, afinal, o filme se divide em seis curtas, de tamanhos variados, que abordam temas como a violência e questões sociais. Sempre com humor o filme consegue manter a qualidade sem escorregar. Todos os curta são bons, com destaque para o primeiro no avião, o carro rebocado e o último. Conta com a presença de Ricardo Darín, o ator latino-americano mais badalado no momento, assim como com Erica Rivas que protagoniza momentos sublimes na tela. Méritos mesmo para a inteligência do roteiro e a talentosa e eficiente direção de Damián Szifron. Não poderia deixar de mencionar o competente trabalho do premiado compositor Gustavo Santaolalla, que mais uma vez consegue acrescentar grande peso narrativo através da música. Não deixe de assistir, vale muito o ingresso e é certamente o melhor filme em cartaz para quem gosta de cinema.



Sugestão:

Para quem vai ficar em casa a dica da semana vai para o filme A Pele que Habito. Estrelado por Antônio Banderas, é um bom exemplar do diretor espanhol Pedro Almodóvar que sabe como dar um apertado nó na noção de certo e errado, ética e moral, ações e conseqüências, explorando nossa psiquê e sempre indo além.

Comentários

Nenhum comentário nesta notícia. Seja o primeiro comentando abaixo!

Comente sobre esta notícia