Publicado 29/08/2014 12:34:41

Filmes da semana 29/08 até 04/09

A grande estreia do final de semana nos cinemas fica por conta de Lucy, ficção científica estrelada por Scarlett Johansson e Morgan Freeman. No melhor estilo narrativo do gênero, esta produção francesa, dirigida por Luc Besson, conta a jornada de uma pessoa que amplia sua capacidade cerebral ao máximo, fazendo paralelos com o tempo, o espaço e os tradicionais questionamentos da humanidade e suas ações. Com participação especial da própria Lucy que viveu a mais de três milhões de anos atrás, o filme é repleto de ação, efeitos especiais e violência. Vale ressaltar, que trata-se de uma obra ficcional e, as referências sobre a porcentagem de utilização do cérebro, estão mais para mito e não possuem bases cientificas. Vale o ingresso e a indicação etária de 16 anos fica na conta da violência. Para quem adora remoer as tradicionais questões da existência humana, pode render um bom material para ter ainda mais no que pensar.  

Já no terreno do cinema catástrofe, a estreia de No Olho do Tornado, faz o que promete. Agora não é apenas um tornado, mas vários que devastam a cidade de Silverton, nos Estados Unidos. Apesar do elenco ser relativamente desconhecido, o enredo ser previsível e de muitos clichês, o filme consegue através dos efeitos e uma direção inteligente trazer tensão e ótimas cenas. Bom para ver sem compromisso, confesso que é melhor de que eu esperava. 

Por último, entra em cartaz no cinema do shopping da praça, Chef, comédia dirigida e estrelada pelo versátil Jon Favreau. Com as presenças de Dustin Hoffman, Scarlett Johansson, Robert Downey Jr., John Leguizamo, só para dar uma dica, este filme esbanja honestidade. Um road movie com bom roteiro, ótimo elenco e uma narrativa suave, sem tentar ser mais do que é, valorizando os pontos fortes. Para os apreciadores mais exigentes que gostam do bom cinema, é a melhor opção em Nova Friburgo.

 

 

 

 

 Sugestão

Para quem está pensando em ficar em casa recomendo o filme Gravidade. Sandra Bullock e George Clooney com problemas no espaço, causados pelos russos, lógico, tentando voltar para terra firme. Destaque para os efeitos visuais, fotografia e para os planos narrativos que, acertadamente, abusa da sensação de isolamento. Vencedor de sete Oscars, incluindo o de melhor Diretor, para Alfonso Cuarón, é um dos melhores filmes já feitos "no espaço" e, para quem não viu, fica a dica.

Comentários

Nenhum comentário nesta notícia. Seja o primeiro comentando abaixo!

Comente sobre esta notícia