x
Publicado 09/02/2018 16:05:18

Filmes da semana 09/02 até 15/02

Estreia esta semana em Nova Friburgo Cinquenta Tons de Liberdade. Filme adaptado da obra literária de E.L.James que fez grande sucesso e causou polêmica pelo conteúdo erótico, chega ao ultimo filme para a alegria e a tristeza de muitos. Diversos romances desenvolvem uma narrativa imagética voltada para o cinema. Essa tendência se fortaleceu com as adaptações dos livros de Dan Brown e seguiram fazendo fila nas bilheterias em todo o mundo. Curiosamente a trilogia contando o relacionamento sexualmente atípico com contornos de conto de fadas, entre Christian Grey e Anastasia Steele, seguiram por uma via diferente dos outros sucessos literários recentes. Com uma produção mediana, atores com cara de paisagem e todo tipo de apelação brega, os filmes decepcionaram até mesmo aos fãs mais animadinhos criando grande expectativa para um final que, infelizmente, consegue ser ainda pior que os anteriores. O enredo continua do ponto que parou, com o casamento e uma sequência de momentos eróticos e sem sentido. O que sempre incomodou e continua neste final, é o machismo fortemente presente em toda trama. O filme ainda é confuso, parece um longo videoclipe cheio de músicas e momentos sem pé ou cabeça. Os próprios atores parecem atuar sem saber o que estão fazendo ali. Para piorar, a vilania do patrão da Anastasia, interpretado por Eric Johnson faz um contra senso invertendo completamente os valores. Toda essa precariedade presente na produção, direção, edição, roteiro, trama e nas interpretações, em nada atrapalharam ou vão atrapalhar o sucesso nas bilheterias. Esse é, sem duvida, um exemplo de money talks no cinema atual. A curiosidade e tudo mais que o livro gerou foi tão grande, que independente do que seja feito, o público vai consumir. E assim foi feito, uma novelinha brega, machista e boba que atrai as pessoas pelas razões erradas e ao final, não entrega o que o prometeu. Liberdade, liberdade, abre as azas sobre nós! Não resisti, ainda bem que acabou! A indicação etária é para maiores de 16 anos.

Sugestão:
Para assistir em casa a dica desta semana vai para Altered Carbon. Nova série da Netflix de ficção científica que mistura diversas linguagens visuais e culturais, sobre consciências imortais em corpos como meros receptores. Produção bem cuidada que foca na dualidade humana.

Comentários

Nenhum comentário nesta notícia. Seja o primeiro comentando abaixo!

Comente sobre esta notícia