Publicado 05/12/2019 17:10:26

Polícia apreende tartarugas que seriam vendidas ilegalmente

Tartarugas apreendidas em Olaria (foto: 151ª DP)

Policiais civis da 151ª DP (Nova Friburgo), chefiados pelo delegado Henrique Pessoa, detiveram no bairro de Olaria, na manhã desta quinta-feira, 5/12, um homem que estava vendendo - sem a devida autorização legal - seis tartarugas denominadas "Tigre dágua" (Trachemys dorbigni).

"O fato configura crime ambiental. O autor foi levado para a delegacia onde foi submetido ao procedimento cabível, ficando os animais apreendidos, os quais serão oportunamente encaminhados a local adequado para sua guarda e bem-estar", diz informe da 151ª DP.

De acordo com fotografia publicada pela 151ª DP, foram apreendidas seis tartarugas.

TARTARUGA

Trachemys dorbigni, conhecida popularmente como tartaruga-tigre-dágua, tartaruga-tigre ou tartaruga-verde-e-amarela, é uma espécie de réptil da família Emydidae. Pode ser encontrada no Brasil, Uruguai e Argentina. Aquática e onívora, vive em zonas de pântanos, banhados, lagos, riachos e rios. O seu nome deve-se ao padrão colorido, em listras amareladas e alaranjadas.

Na época de reprodução, a fêmea desova até mais de 10 ovos por postura, em média. Os ovos eclodem após 2 a 4 meses. Os juvenis medem cerca de 3 cm à saída do ovo, enquanto que os adultos podem atingir 25 a 30 cm de comprimento. As fêmeas são geralmente maiores que os machos.

As tartarugas-tigre-dágua podem viver até 30 anos e são, por diversas vezes, ilegalmente comercializadas como animal de estimação.