x
Publicado 15/05/2015 15:41:35

Coluna do Nader 15/05

Rafael Tavares Garcia de volta à saúde

CINCO NOVOS SECRETÁRIOS
A composição do governo Rogério Cabral teve cinco mudanças nesta sexta-feira, 15.
A principal delas, sem dúvida, é a nomeação do então secretário de Controle Interno da Prefeitura, Rafael Tavares Garcia, para o comando da Secretaria Municipal de Saúde.
Rafael Tavares irá suceder o médico dr. Luiz Fernando, que reassume seu mandato na Câmara, a partir do dia 21.

SEGUE...
Rafael Tavares, que já foi secretário de Saúde em 2012, desta vez assume a pasta com o apoio direto de um comitê formado por outros cinco secretários, que vão ajudá-lo a desatar os nós da principal e mais problemática pasta da administração.
Ou seja, irá compartilhar os problemas e soluções com os secretários de Fazenda, Controle Interno, Governo e Infraestrutura e Logística, além, é claro, do próprio prefeito.

SECRETARIA DE GOVERNO
O secretário da Casa Civil, Edson Lisboa, irá acumular a função de secretário de Governo.
A secretaria de Governo está vaga desde a saída da vice-prefeita Grace Arruda, que se desligou da Prefeitura há dois meses.

SECRETARIA DE CONTROLE
O advogado Marcelo Schuenck assumiu a Secretaria de Controle Interno da Prefeitura, cargo ocupado até então pelo novo secretário de Saúde.
Schuenck é homem de inteira confiança do prefeito e profissional que possui bom trânsito junto ao Ministério Público e o Poder Judiciário.

COMUNICAÇÃO SOCIAL
O empresário do setor publicitário Bruno Mayer é o novo Subsecretário de Comunicação da Prefeitura de Friburgo.

PROCURADOR GERAL
O advogado Rodrigo Lima foi efetivado no cargo de procurador Geral da Prefeitura.
Ele estava interino desde a saída do colega Rômulo Colly, em novembro passado.

Dr. Luiz Fernando promete enfrentar adversários

EX- SECRETÁRIO X VEREADOR
Doutor Luiz Fernando reassume seu mandato na Câmara dia 21.
Agora, livre do fardo da secretaria de Saúde, o médico se diz pronto para enfrentar parte dos colegas da Câmara que, segundo ele, criaram obstáculos à sua gestão.
O clima no Legislativo tende a esquentar e até pegar fogo de agora em diante.
A conferir.

ALIÁS...
Na última entrevista antes de deixar a Secretaria de Saúde, concedida à Intertv, dr. Luiz Fernando desafiou seus adversários declarados na Câmara "a inaugurar um só paralelepípedo".
É que, segundo o médico, seus adversários "jogaram muita conversa fora" e nunca conseguiram viabilizar um único centavo para ajudar Nova Friburgo, nem mesmo a complicada rede municipal de saúde.

DESASTRE NATURAL
O governo da dona Dilma disponibilizou R$ 2,3 bilhões, através do famoso PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), para obras de contenção de encostas nos municípios brasileiros no período de 2007 a 2015.
Na prática, porém, só usou R$ 340 milhões, ou seja, 15% do montante previsto.
Moral da história: o recurso que tanta falta faz aqui continua parado lá, percebe?

CORTE NA ECONOMIA
Quem pensa que a economia brasileira está numa fase ruim não viu nada ainda.
E pode se surpreender com um cenário ainda pior, a partir de junho.
É que a presidenta Dilma, com a corda no pescoço, ameaça cortar mais R$ 80 bilhões do orçamento federal.
Claro, o novo corte atinge em cheio o repasse de verbas estratégicas para os... municípios.

PONTO FINAL
Viva Nova Friburgo!

Nova Friburgo 197 anos. Panorâmica dos Três Picos - Foto: AC Santos

Comentários

Nenhum comentário nesta notícia. Seja o primeiro comentando abaixo!

Comente sobre esta notícia