x
Publicado 21/10/2017 08:16:40

Sérgio Cabral é condenado pela 3ª vez e acumula 72 anos de prisão; ele responde a mais 10 ações

Sérgio Cabral, do céu ao inferno

O ex-governador Sérgio Cabral foi condenado a mais 13 anos de prisão nesta sexta-feira, 20, pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio, no processo da Operação Mascate, um dos que apurou a lavagem de dinheiro do esquema por meio de concessionárias e da compra de imóveis.

Essa é a terceira condenação do ex-governador na Lava-Jato. A primeira, de 14 anos e dois meses de prisão, foi dada pelo juiz Sergio Moro em Curitiba. A segunda sentença foi de Bretas e Cabral foi condenado a 45 anos e dois meses de prisão na Operação Calicute. Ou seja, 72 anos de prisão.

A nova condenação aconteceu no mesmo dia em que o ex-governador virou réu mais uma vez, agora na investigação sobre a compra de votos para que o Rio sediasse a Olimpíada de 2016. Ao todo, Sérgio Cabral responde a 13 ações em que não há sentença e três em que houve condenação.