x
Publicado 13/08/2017 20:35:33

Por que você nunca deve ficar sem comer após o treino

Fazer atividade física é uma das táticas mais eficazes para ter mais qualidade de vida, saúde e, se quiser, perder peso. Mas se engana quem pensa que pular a refeição depois do treino fará o corpo queimar mais calorias.

Importância do pós-treino
Embora existam algumas especulações sobre o assunto, a ciência ainda afirma que é sempre necessário comer, no máximo 45 minutos, depois de terminar o exercício físico.

O motivo? Reabastecer as reservas de nutrientes que o organismo usou para a atividade. Um dos mais importantes é o glicogênio, que provém do consumo de carboidratos. São um grupo de moléculas que fornecem energia imediata para os músculos durante o esforço muscular.

Repor esse estoque importante é fundamental para não perder massa magra (essencial para a saúde e emagrecimento) e para ajudar em sua construção.

Além da questão energética e muscular, não se alimentar depois do treino pode causar mal-estar no organismo. Isso porque o corpo pode ter uma crise de hipoglicemia (pouco açúcar no sangue), que é capaz de causar tontura e até desmaios.

O que comer depois do treino?
Para decidir qual é o melhor alimento para você apostar depois de se exercitar, procure um profissional da área, como um nutricionista ou nutrólogo, pois só ele poderá fazer orientações específicas para cada individualidade e objetivo.

Aposte em carboidratos, pois eles ajudam a prevenir lesões musculares e fadiga, além de fornecerem energia para o funcionamento do organismo. Já a proteína, muito conhecida por ser a estrela do pós-treino, ajuda na reparação e crescimento dos músculos.

E mais: vale ter uma alimentação equilibrada e balanceada o dia inteiro, não apenas depois da atividade física. Dessa forma, há mais chance de saúde e bons resultados.

http://www.vix.com