x
Publicado 30/09/2016 11:52:15

Maridos estressam mais as mulheres que filhos, afirma pesquisa

A rotina das mulheres, em todo o mundo, está, progressivamente, mais agitada e corrida. Quando se é casada e mãe, então, nem se fala. A jornada tripla, no trabalho, em casa e na educação dos filhos, tem deixado os dias cada vez mais curtos e sobrecarregado as mulheres, deixando-as bastante exaustas e estressadas.

Para tentar descobrir a causa principal desse estresse, o site americano “Today.com” promoveu uma pesquisa com 7 mil mulheres americanas casadas e com filhos. A conclusão foi reveladora: 46% das mulheres pesquisadas responsabilizaram os maridos ou companheiros pelas altas doses de estresse e desgaste sofridos no dia a dia.

O resultado deixou para trás um dos grandes motivadores do nervosismo diário das mães: seus filhos. De acordo com as mulheres pesquisadas, a falta de tempo para executar todas as atividades do dia a dia e a pouca ajuda dos parceiros nas tarefas domésticas são os fatores que mais incomodam e geram frustração.

Mais da metade das entrevistadas se diz pressionada por ter que realizar a maior parte das obrigações domésticas, cuidar dos filhos, trabalhar fora e, ainda, serem esposas.

Não conseguir exercer todas as funções com a mesma dedicação acaba deixando as mulheres desanimadas e, consequentemente, estressadas.

A falta de reconhecimento é outro motivo causador da discórdia entre os casais.

Outro problema destacado pela pesquisa é em relação ao comportamento dos maridos no dia a dia da família.

Equilíbrio é a solução
Se você é homem e está lendo esse post, algumas dicas são preciosas para que você deixe de ser a causa da fúria de sua esposa e construa uma relação muito mais saudável e feliz:

Uma ajudinha sempre vai bem – Seja lavando a louça do jantar ou cuidando das crianças enquanto a mulher desenvolve outras atividades, toda colaboração é bem-vinda. Sua companheira saberá reconhecer o seu esforço.

Converse com a parceira – Ouvir a esposa, interessando-se em saber como foi o seu dia e perguntando o que você pode fazer para ajudá-la também será muito importante para que ela se sinta mais amparada e confiante. A conversa sempre é a melhor saída para deixar para trás mágoas e desentendimentos que podem dificultar, ainda mais, o convívio a dois.

Reconheça o que ela faz pela família – Reconhecer e agradecer o que ela faz diariamente por você e pelos filhos vai deixá-la muito mais feliz e realizada, afinal, quem não gosta de se sentir valorizado, não é mesmo?

Tenha um momento a dois – Mesmo com a rotina puxada, sua esposa vai adorar se você convidá-la para um cineminha ou um jantar romântico, bem longe dos problemas domésticos.

Encontrar um momento para o casal é importante para deixar a rotina menos pesada, fazer sua esposa mais feliz e, de quebra manter acesa a relação.