x
Publicado 24/01/2017 07:45:42

Friburgo fechou quase 3 mil postos de trabalho com carteira assinada nos últimos dois anos

Empregos formais foram eliminados em Nova Friburgo (foto: Osmar Castro)

Serviços, construção civil, comércio, indústria e administração pública. Todos os principais setores da economia friburguense eliminaram postos de trabalho nos últimos dois anos. Entre admissões e demissões, Nova Friburgo perdeu exatos 2.854 postos de trabalho com carteira assinada nos anos de 2015 e 2016.

O balanço negativo foi divulgado pelo Ministério do Trabalho e Emprego, este mês, através de levantamento do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). A crise econômica no país é apontada como principal causa para a eliminação de postos de emprego formais.

Segundo o CAGED, Nova Friburgo eliminou 1.586 empregos formais em 2015 e mais 1.268 no ano passado. Os dois resultados são os piores da história friburguense desde que o Ministério do Trabalho iniciou o estudo oficial dos municípios brasileiros.

Em 2016, Nova Friburgo fechou 268 postos de trabalho na indústria; 184 na construção civil; 286 no comércio; 262 no setor de serviços; e 289 na administração pública.

A título de comparação, em 2015, o município havia eliminado 1.226 empregos na indústria; 168 na construção civil; 195 no comércio; e 122 na administração pública. O setor de serviços apresentou na ocasião saldo positivo de 79 vagas.