x
Publicado 20/06/2017 16:40:50

Friburgo: CDL critica Prefeitura pelo aumento de ambulantes

Braulio da CDL cobra ação do prefeito Renato Bravo

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Nova Friburgo criticou o governo Renato Bravo pela ausência de fiscalização de ambulantes no município, fato que, segundo o presidente da entidade, Braulio Rezende, tem contribuído para aumentar a quantidade de camelôs nas calçadas prejudicando o comércio formal.

"... os empresários do comércio se sentem prejudicados pela presença dos camelôs e pela ausência de fiscalização por parte da Prefeitura", diz uma nota divulgada pela CDL nesta terça-feira, 20. “Empresários procuram a CDL e o Sincomércio para se queixar de que pagam impostos, geram empregos e têm que conviver com ambulantes na porta de suas lojas”, ressalta Braulio.

O presidente da CDL acrescenta que, se a Prefeitura não agir com firmeza agora, não conseguirá mais retirar os ambulantes, a maioria pessoas de fora do município.

Na opinião de Braulio, além de prejudicar o comércio formal, os ambulantes “dificultam a passagem dos pedestres, as calçadas ficam feias e com aparência descuidada”, afirma o presidente da CDL e do Sincomércio criticando a inoperância do governo municipal.