x
Publicado 23/05/2016 12:00:55

Como ter amor próprio no relacionamento e não se anular no namoro

Respeitar-se é essencial para o relacionamento dar certo

Uma relação saudável envolve, além de paixão e amor, muito respeito e compreensão. Entretanto, não há como fechar a fórmula perfeita se um dos dois lados não tem a autoestima equilibrada e se valoriza.

É exatamente por isso que muitos psicólogos afirmam que para o namoro dar certo, é preciso que, antes de se dedicar ao parceiro, você aprecie as suas características.

É o amor próprio que faz com que um indivíduo tenha uma relação saudável com amigos e familiares. Em momentos de crise, somente o equilíbrio, a segurança e a autoconfiança são capazes de fazer com que uma pessoa se posicione e tenha autonomia para viver com qualidade.

Aumentar a autoestima

A formação da autoestima está diretamente relacionada à infância. São os modelos vistos e vividos naquela época que determinam os parâmetros de uma pessoa. É a partir disto que ela forma sua autoimagem o seu amor próprio.

Como ter mais amor próprio

Em um relacionamento é natural que façamos as vontades do outro. No entanto, o sentimento e o respeito pelo outro não podem se sobrepor àquilo que destinamos a nós mesmos. Caso contrário, a situação será de completo desequilíbrio.

Você tem amor próprio?

Veja lista de atitudes essenciais para valorizar-se e ter um relacionamento saudável:

*De espaço e respeite quem o outro é: não crie falsas imagens e percepções do seu companheiro. Aceite suas características – desde que não sejam prejudiciais para você – e respeite.

*Entenda as críticas como aprendizados: os toques do parceiro nem sempre são cutucões. Muitas vezes eles podem ser encarados como uma dica ou um empurrãozinho para o relacionamento melhorar. Certifique-se sempre que ele respeita quem você é antes de qualquer crítica.

*Dê se tempo: passar horas agarradinho pode ser uma delícia. No entanto, ter momentos de individualidade é essencial para a saúde dos relacionamentos. Além de estimular a saudade e mostrar o quanto o outro é importante, esses momentos também servem para a autorreflexão e valorização do eu.

*Não repita o passado: o que passou, passou. Enxergue a vida com as perspectivas do futuro.

*Perguntem-se: qual é a nossa intenção? Um casal precisa estar alinhado em aspectos básicos. A pergunta sobre o que os dois esperam para daqui 5 ou 10 anos é um bom começo para alinhar sonhos e objetivos.

Fonte: http://www.bolsademulher.com/