x
Publicado 29/08/2017 20:09:15

Coceira e “pinicamento” na pele após o treino pode ser sinal de alergia

Pele avermelhada, irritada, com coceira e pinicando logo após o treino não deve ser considerado normal e pode estar relacionado a um quadro de alergia. O incômodo normalmente é resultado de dois motivos bastante comuns: suor e ar-condicionado.

Alergia ao próprio suor provoca coceira
Você pode nem desconfiar, mas seu próprio suor pode ser a causa da coceira na pele depois dos exercícios físicos.

A reação ocorre por causa da produção de um anticorpo chamado IgE, direcionado uma proteína presente na secreção, que pode se manifestar com ou sem a elevação da temperatura do corpo. Nesse caso, a alergia apresenta pequenas lesões ou brotoejas que coçam.

O mecanismo que leva uma pessoa a ter alergia ao próprio suor provavelmente tem raiz genética e pode aparecer em qualquer fase da vida, sendo mais comum em pessoas já alérgicas. Usar antitranspirante, roupas leves que permitem a respiração do corpo e hidratante nas regiões mais propensas ao suor são atitudes que ajudam a evitar a irritação.

Ar-condicionado da academia pode causar alergia
Presente e fundamental em todas as academias, o ar-condicionado, quando não passa por manutenção constante, pode causar problemas respiratórios e também as coceiras e irritações na pele.

A exposição contínua ao aparelho retira do ar a umidade natural do ambiente, o que prejudica a lubrificação da pele. Ressecada, ela pode sofrer com descamação que provoca coceiras em várias partes do corpo, especialmente rosto, mãos e pernas.

Lugares com ar-condicionado podem ser tão prejudiciais quanto ambientes poluídos para quem sofre de alergia ou de dermatite atópica, uma doença inflamatória caracterizada por coceira intensa e lesões na pele. Na grande maioria dos casos a condição dá os primeiros sinais durante a infância, também pode surgir na vida adulta.