Esoterismo Em Foco

com Cristina Gurjão

Páscoa Outonal

A Páscoa nos traz a mensagem da transformação – morte e renascimento. O momento atual nos pede coragem para enfrentar tudo que começa a desmoronar. No planeta, no Brasil, em nossas famílias. Chegou também o outono e com ele ficamos mais recolhidos e interiorizados. Caem as folhas das árvores buscando a renovação. Vamos deixar cair também as nossas folhas velhas, os padrões que nos prendem a uma realidade ultrapassada. Viver o outono é viver a possibilidade do desprendimento. Vamos observar e copiar a natureza tão sábia em seus ciclos. É impossível imaginar uma árvore se prendendo ao padrão antigo e impedindo suas folhas de envelhecerem e se desprenderem. A...

O Mago - uma carta para o início do ano

O mago representa nossas ações, atitudes, iniciativas. Ele está à frente de uma mesa com seus instrumentos de magia como a nos ensinar que para alcançar os objetivos é preciso praticar. Saindo do período de férias, a caminho do carnaval, tempo de não fazer nada. É assim que pensamos. O ano só vai começar em março. Engano! Quem não se movimentar agora vai pegar o bonde andando. É preciso sair da preguiça, inércia e começar a por as mãos na massa. Isso não vale apenas para o material, mas para o espiritual também. Use suas energias. Como fazer isso imediatamente? Aja! Compre um caderninho, tire aquele bloquinho esquecido no fundo de uma gaveta...

Alimentação colorida e saudável

Uma alimentação saudável está entre as principais preocupações do mundo moderno. Na busca do equilíbrio, novos conceitos se apresentam para oferecer ao indivíduo nutrição, prazer e saúde. Entre eles, encontra-se a observação das cores dos alimentos. Um procedimento que os orientais já cultuam há alguns milênios. Diz o ditado popular que quando os cientistas chegam ao alto das montanhas, lá em cima encontram um místico. A cada dia percebo mais a verdade desse axioma. A ciência e o misticismo estão em reta de chegada. Novas descobertas, frutos de pesquisas avançadas, aproximam os conceitos místicos, esotéricos, energéticos,...

A era da imprevisibilidade

Quem esperar estabilidade nos tempos atuais vai se frustrar cada vez mais. A grande lição de quem vive no terceiro milênio é aprender a conviver com a instabilidade. Nada mais de empregos duradouros, cargos vitalícios, vida enraizada em cidades, países, continentes. Casamentos não são mais para toda a vida. Relações afetivas se sucedem como os namoricos de antigamente. A juventude não namora mais: “fica”. Filhos voam precocemente e aterrissam em terras distantes. Amigos partem para novas experiências e ficamos sem os companheiros de café, cinema, bar e longas conversas. Apartamentos alugados são pedidos para venda imediata. Imóveis próprios localizados em locais...

Mudanças e novidades

Sempre é bom lidar com mudanças e novidades. Portanto, vamos a elas. Desde julho estou me dedicando à área holística num espaço próprio, em Friburgo. Não é a primeira vez que faço isso. Há 23 anos, quando aqui cheguei dei continuidade ao trabalho que fazia no Rio, também numa linda salinha na Ernesto Brasílio. Foi bom. Tive algumas turmas de cursos e dei consultas de tarô. A vida, sempre dinâmica, me levou para outras atividades que redundaram na vida acadêmica. Dar aulas é uma vocação e uma alegria para mim. A Estácio a minha casa. Comunicação a minha praia. No entanto, o trabalho holístico sempre foi uma via paralela para...

Caem as folhas*

Chegou o outono e com ele ficamos mais recolhidos e interiorizados. Caem as folhas das árvores buscando a renovação. Vamos deixar cair também as nossas folhas velhas, os padrões que nos prendem a uma realidade ultrapassada. Viver o outono é viver a possibilidade do desprendimento. Vamos observar e copiar a natureza tão sábia em seus ciclos. É impossível imaginar uma árvore se prendendo ao padrão antigo e impedindo suas folhas de envelhecerem e se desprenderem. A cada outono corresponde uma mudança visível. E nós, onde estão nossas mudanças? O que fazemos com nossas folhas velhas? A Nova Era exige que encaremos nossos padrões emocionais antigos e partamos para...

Variedades espirituais

CarmaHouve muita mobilização com a foto do menino sírio, Aylan Kurdi, de 3 anos, morto afogado no Mediterrâneo. Seu irmão, de 5 anos, também morreu. O fato foi analisado sob todos os aspectos humanísticos, políticos, sociais, econômicos, afetivos. Eu, pessoalmente, não consigo olhar para a foto, passo batido. Talvez pela vivência com meus netos a imagem mexa no emocional de forma impactante... No entanto, logo que vieram as manifestações internacionais, os questionamentos da mídia sobre a pertinência e a ética da publicação da foto, e os resultados práticos imediatos de “tentativas” de solução para os imigrantes, compreendi que...

Urano não está de brincadeira!

O atual trânsito de Urano em Áries impulsiona as transformações com base no imprevisível. Você vai por um caminho, planeja, fica seguro e, em seguida, algo totalmente fora do programado surge para alterar suas rotas. É assim mesmo que Urano atua. Ele tem a função de bagunçar tudo para forçar a reflexão e nos ensinar a construir novas soluções. Nessa hora, devemos parar um instante e liberar a resistência às mudanças. É o que chamo de criar soluções uranianas. Pense novo, pense novamente, pense com liberdade. Observe o que está acontecendo. Perceba que você já conhecia este enredo. Urano é o planeta que revela o conhecido....

Prefeitura e Estácio Friburgo se encontram

O gestor da unidade Nova Friburgo, Gustavo Tapajós Tavares Bento encontrou-se no dia 11 de agosto, com o prefeito Rogério Cabral, na prefeitura, para reafirmar os acordos de cooperação mútua entre a universidade e a prefeitura local. O vereador Marcelo Verly, professor da Estácio, intermediou o encontrou. O objetivo é através do diálogo com a prefeitura, promover uma aproximação maior com a comunidade friburguense, criando oportunidades do interesse de todos dentro da vasta gama de serviços que a Estácio oferece. Rogério Cabral afirmou sua intenção de, cada vez mais, apoiar a profissionalização dos estudantes universitários através da...

Fisioterapeuta de Friburgo no Comitê Olímpico de Angola

Carioca de nascimento e cidadão friburguense desde o dia 16 de maio deste ano, o fisioterapeuta Carlos Melo foi convidado pelo governo de Angola, para dar suporte aos atletas e à comissão olímpica, nas olimpíadas de 2016. Carlos que é professor da Estácio há dezenove anos, dos quais dezesseis, no campus Nova Friburgo, onde é coordenador de estágio, pretende desenvolver este projeto olímpico junto à Estácio, integrando os alunos de fisioterapia da instituição. Desde 2009, o profissional realiza trabalhos junto ao governo de Angola, que incluem a construção de uma clínica de reabilitação no clube Pétros (projeto ainda em andamento), palestras...

No dia internacional da mulher, a Imperatriz

Hoje quem escolheu a carta do tarô fui eu. E não podia ser diferente, é o dia de reverenciarmos o feminino, o yang, o intuitivo que há dentro de cada uma de nós.A imperatriz é aquela que dá a luz. Sua criação é expressa de forma concreta através da maternidade. Em seu ventre encontra-se a produção de algo que vai nascer de verdade.Ela é a soberana, de personalidade forte, que governa seus territórios. É o yin manifesto, concreto, prático. Seus aspectos positivos são a fertilidade, criação de ideias, extroversão, paixão, desejo. No jogo ela é a consulente que consulta o tarô e também as outras mulheres em sua vida...

De Cristina para Marias Gurjão

Quando eu era criança ela fez 15 anos. Sua festa foi registrada num jornal, cujo recorte guardei por muitos anos. Na minha adolescência ela abriu uma das primeiras butiques do Rio, na Prudente de Morais. Fui lá conhecê-la. A coincidência de nomes fez com que ela me recebesse e acolhesse com um humor especial. Constatamos que éramos primas distantes e ela falou: “Não dá para você mudar seu nome? É um péssimo negócio ser minha homônima. Sou boêmia, da noite, comerciante endividada... E além de tudo quer ser jornalista como eu?”   Quando eu era uma jovem que namorava e saía para passear pela noite carioca com meus amigos, ela abriu uma outra butique, no Leblon, ao lado...

Mensagem do I Ching para 2015

 O que é o I ChingO I Ching é um oráculo chinês com mais de três mil anos de existência. Diz-se que é o mais antigo livro chinês. Sua função é filosófica, fazer os homens pensarem sobre a própria vida. Ele é baseado nos elementos e forças da natureza – água, terra, fogo, ar, madeira, chuva, trovões, lago, vento; portanto, xamânico. A parte divinatória é secundária, e serve de ajuda para momentos de obscuridade.Como se joga o I Ching?Para se chegar aos hexagramas (formados por trigramas) – as seis linhas que nos trazem as mensagens – são necessárias combinações matemáticas de três moedas...

A carta da vez: Os enamorados

Depois de um período conturbado de disputa política com rivalidades expostas e polaridades trocando ofensas, o tarô nos propõe uma trégua: os enamorados  – a carta do amor. Que belo momento para refletir sobre isso. As redes sociais mostraram sua possibilidade de servir tanto para o bem quanto para o mal. Muitos véus caíram e as queixas vêm dos dois lados. Ouvi petistas reclamando de excessos da oposição e senti na própria pele ofensas do PT... Foi bom perceber que o Facebook não é o “país das maravilhas” que aparenta ser com tantos gatinhos, cachorrinhos e passarinhos fofos enfeitando a vida de todos os seus participantes.  Sem falar nas correntes de solidariedade,...

Universo Paralelo - Viajar com a alma e a imaginação. Viramos estrelas?

(...) “Nosso corpo traz a história do universo. Todas as células foram tecidas por moléculas feitas de átomos engendrados no Big Bang e cozinhados no calor das estrelas. Somos feitos de matéria estelar. Na intimidade atômica, cada partícula é também onda, como se a natureza risse de nossa lógica cartesiana incapaz de apreender que toda matéria, inclusive nosso corpo, é energia condensada. Espírito não é algo que se opõe à carne, mas sua expressão mais profunda e luminosa. É fantástico que a própria natureza, em trajes bordados pela química e em baile ritmado pela física, tenha aflorado em seres dotados de inteligência...

O problema do mundo pequeno

No Livro da Boa Sorte – como aproveitar o acaso e as coincidências, de Steve Richards, o autor cita o problema do mundo pequeno e diz que é um paradoxo de viajantes. Você está passando férias em Paris e se depara com o vizinho de cima, no elevador da Torre Eiffel. Ou passa um ano nos Estados Unidos e conhece um antigo companheiro de forças armadas de seu pai. Melhor ainda é estar na Austrália e descobrir que o garçom que serve sua mesa é sobrinho de sua massagista. Segundo Steve Richards essas incríveis coincidências são muito mais prováveis do que podemos imaginar. Ele diz que Ithiel De Sola Pool, do MIT e Manfred Hochen, da IBM, calcularam matematicamente que, se...